Red Bull Brasil luta para não ter nome de equipe censurado durante o Paulistão



Vamos começar essa história falando de Formula 1 onde a Rede Globo, maior emissora do país e uma das mais poderosas do mundo não se sente confortável com algumas marcas, principalmente com a Red Bull, equipe que atualmente é tetracampeã do campeonato. Na Formula 1, a emissora padronizou isso e se refere a equipe apenas pela sigla RBR.

A Emissora não fala abertamente sobre isso, mas fica implícito que isso é uma politica da empresa em não citar o nome de marcas que não tenham a ver diretamente com o evento, outras marcas, como da equipe Mercedes e marcas de pneus são citados normalmente, porém casos parecidos com o da Red Bull, como a Virgin e a Toro Rosso também eram chamados por siglas, respectivamente VRT e STR.

Agora surge mais uma situação, o Red Bull Brasil, time de futebol paulista conseguiu o acesso para a primeira divisão do futebol Paulista e consequentemente terá os seus jogos transmitidos pelas emissoras da Globo, tanto pelo Sportv, Premiere FC e pela própria Globo, ai que vem a questão, qual será o padrão usado pela emissora nesse caso?

O time do Red Bull Brasil não chegou a citar a Globo, mas avisou a imprensa que quer o seu nome na integra, pois esse é o nome de batismo do clube, é o nome que vai no escudo e isso deve ser respeitado.

Agora é esperar para ver o que vai acontecer, é uma situação inusitada, pois a Globo praticamente controla o nosso futebol nacional e nesse caso fica encurralada, numa situação difícil de sair. Ainda falta muito tempo para o Paulista de 2015, porém já promete surpresas, mesmo que sejam fora de campo.

redbull

Fonte: UOL