As modalidades dos Jogos Olímpicos de Inverno



Apesar de ter uma repercussão enorme, muitas pessoas não conhecem os Jogos Olímpios de Inverno. Isso provavelmente por que toda fama é dada aos jogos que acontecem no verão, e também por que os jogos de inverno acontecem há menos tempo. Tudo começou em 1924, ainda como “Semana Internacional dos Desportos de Verão”, e após dois anos, em 1926, foi também reconhecido como jogos Olímpicos.

Os jogos acontecem nos intervalos das Olimpíadas de Verão, a cada quatro anos. A grande diferença entre as duas grandes Olímpiadas, é que no inverno os jogos são feitos ou no gelo ou na neve. E com isso, surgem várias outras modalidades que poucas pessoas conhecem. Conheça todas as modalidades disputadas nos Jogos Olímpicos de Inverno:

  • Biathlon – Trata-se de duas modalidades combinadas: Tiro e esqui. O Atleta caminha sobre a neve e alguns momentos efetua disparos. São disputados ao todo, dez modalidades nesse estilo. Todas com homens e mulheres, individuais ou revezamento. Variando entre 10 km e 20 km de percurso individual e pode chegar até 30 km no revezamento.
  • Bobsleigh – Podendo ser em dupla ou em até quatro pessoas, a prova é composta por uma pista de gelo e um carro que desliza por meio de lâminas localizadas na sua parte inferior, quase como um trenó.
  • Bobsleigh Skeleton – Nessa prova, o próprio atleta empurra seu carro (ou trenó) por um espaço de 25 metros. Feita apenas individual.
  • Curling – Esta prova é disputada entre duas equipes de quatro pessoas. Seu objetivo é acertar suas pedras de granito mais próximas do alvo. O fato interessante desta modalidade é que para acelerar ou retardar o movimento da pedra, os atletas usam um equipamento parecido com uma vassoura, esfregando-o no chão à frente da pedra.
  • Hóquei no gelo – Existem muitos textos abordando esse esporte, mas basicamente é uma disputa entre duas equipes que se movimentam sobre patins em uma pista de gelo. Cada atleta possui um taco e seu objetivo é acertar o disco no gol do adversário.
  • Luge – Existem muitas provas com trenó, e essa é mais uma. Nessa modalidade, o atleta deita em seu carro e o guia apenas com o movimento do tronco e pernas.
  • Combinado nórdico – Prova que também combina duas modalidades, salto e corrida, ambos com esqui. O atleta que conseguir a melhor nota no saldo fica mais bem colocado na largada da prova de velocidade.
  • Esqui estilo livre – O atleta desce esquiando uma pista construída com o intuito de favorecer formações na neve a partir dos movimentos do esqui. No percurso o atleta tem que realizar dois movimentos acrobáticos e terminar a prova no menor tempo possível.
  • Esqui saltos – O objetivo dessa modalidade é realizar um salto a partir de uma plataforma e atingir a maior distância possível, levando também em consideração o tipo do salto. Cada atleta tem duas chances de saltar.
  • Esqui Alpino – Essa prova também se baseia em descer uma pista sobre esquis. Vence a prova quem cumprir o percurso em menor tempo e desviar de todos os obstáculos.
  • Esqui Cross-Contry – As provas chegam até 50 km de distância dependendo da categoria. Os atletas tem que percorrer o trajeto com esquis em paralelo.
  • Patinação Artística – Podendo ser realizada em dupla ou individual, o objetivo é realizar uma coreografia sobre patins. Tratando-se de um esporte de dança e patinação.
  • Patinação de velocidade sobre o gelo – Feita em uma pista fechada, a prova pode ser disputada contra o relógio ou em perseguição.

Biathlon